Intrépida (Bela Síol)

7 mar

 

Depois de tantos fracassos ,

A vida em novas cores,

A redescoberta do amor,

Gelo que descongela no peito,

Aquecendo corpo e coração.

Desde o primeiro encontro… o vazio…

Como se nenhuma lembrança existisse,

E o passado de medo se desvanecesse,

Em fumaça cheirando a esquecimento.

Vazio que se preenche a cada momento,

Com cada pequeno gesto,

Com o primeiro sorriso da manhã,

Com tua voz sussurrando delícias,

No meio da noite ou a toda hora,

E teu corpo buscando o meu,

Em lugares convenientes ou não,

E novamente me sinto menina.

Intrépida menina que confia no amor!!!

E se joga em seus braços,

Porque em nós eu confio,

De que pode dar certo.

 

Bela Síol 07/03/2012

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: