A arte do amor (Bela Síol)

1 jun

 

O amor não se encena,

Nem vive de tramas,

Não suporta cenas,

Se desgasta com dramas.

O coração é o palco,

De uma plateia de dois,

Não recebe aplausos,

Depois que se foi.

O amor…

Não usa máscaras

O amor…

De cara lavada

Parece novela,

Fantasia real,

Sem herói ou donzela,

Apenas casal.

Sonho é realidade,

Que dispensa holofote,

Amor de verdade,

Só pra quem te sorte.

 

Bela Síol 31/05/2012

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: