Inquieta por demais… (Bela Síol)

5 jun

Tenho inquietude na alma,

E na mente tempestade.

Fogo e brilho nos olhos,

E no peito muita saudade.

Sou labirinto onde me perco,

Ou céu estrelado onde me acho.

Sou o vazio e o infinito,

Tolhido por frágeis paredes.

Sou o balanço e a rede,

O tempo, o vento, o momento.

Futuro do presente,

De um pretérito nada perfeito.

Sou recortes, mosaico e sou o todo.

A calma insensatez,

A lucidez da loucura,

Sou paz e ternura,

Descontrole da vida,

Sou fera reprimida,

Emoção sem vazão,

Conteúdo guardado,

No coração sufocado,

Em iminente explosão.

 

Bela Síol 04/06/2012 inspirada por Laurianne Franco

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: