Ouro dos deuses (Bela Síol)

9 jul

 

Caminhei pelos trigais,

Dourados campos,

Onde dançam os cabelos de Sif.

Pisei na terra beijada por Sunna,

Corri pelos bosques,

E vi os pelos de ouro,

Do javali cavalgado por Freyr.

Segui até a praia,

Abraçada pelas ondas calmas,

Onde Njord e Nerthus faziam amor,

Fertilizando toda a terra,

Que floria e frutificava,

Gerando filhos divinos.

Entrei em um barco,

E cruzei oceanos ,

Provando tempestades,

No caldeirão de Aegir,

Tendo Ran a me espreitar.

Ofereci-lhes moedas de ouro,

E eles me conduziram de volta.

Na praia, Freya a nua guerreira,

Me mostrou seu colar e sua magia.

Ao cair da noite,

Fui protegida por Nott ,

Olhei para os céus,

E fui banhada pela luz de Mani,

Que me guiou até as profundezas de Hell,

Terra gelada, escura e infértil,

Silêncio e regeneração.

Deixei minhas dores, mágoas e medos,

E retornei ao mundo dos vivos.

Estava pronta para seguir a viagem,

Escoltada pelo todo poderoso Thor,

Que na velocidade de um raio,

Me conduziu à ponte de todas as cores,

Onde fui recebida pelo brilhante Heimdall.

Meu deus e guardião,

Que me tomou pelas mãos,

Me permitindo seguir,

Até a entrada de imenso salão,

Onde 12 deusas sorriam e dançavam,

Ao redor de Frigga, a grande senhora.

Sentei-me à sua frente,

Recebendo seus sábios conselhos,

Que muito me diziam sem nada revelar.

Ao longe escutei a voz perfeita de Braggi,

Contando e cantando a história dos Deuses.

Corri para escutar de perto,

E fui interrompida por Idunna,

Que me fez provar o doce de suas maçãs,

Me tornando bela e jovem.

Ouvi uma piada com meu nome,

Vinda de um velho que tinha um só olho.

Ri de mim mesma.

Ao sinal de Odin,

Um homem bastante habilidoso

Me presenteou com uma espada,

E muitos dons.

Agradeci a Wieland, o ferreiro,

Sem saber ao certo o que fazer com o presente.

Adormeci e despertei de um sono profundo,

Num bosque gelado, onde Skadhi

Me ensinava a coragem.

Daí em diante eu estava pronta,

Para vencer todo desafio,

Desbravar e conquistar as riquezas,

Que Nehalennia reservara pra mim.

 

Bela Síol 09/07/2012

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: