Silêncio (Bela Síol)

9 jul

Nunca superficial,

Sempre profundo,

Só que raro!

Possível calar a boca,

Desligar a música,

Apagar as luzes,

Fechar a porta.

Impossível é calar a mente.

Imediatamente ouve-se o coração,

Aos pulos, aos berros!

Silêncio pode matar,

Pelo eco do desprezo,

E pode salvar,

Pelas palavras evitadas,

Para não ferir.

Silêncio é sabedoria profunda.

Silêncio é encontro com os deuses,

Fadas e elfos.

Só no silêncio profundo,

Se ouve o canto solitário de um pássaro,

Se percebe as mensagens num olhar,

Se compreende o vazio preenchido de amor,

Se ouve a voz do coração apaziguado.

 

Bela Síol 09/07/2012

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: