Fim da linha (Bela Síol)

15 jul

Por que tenho medo
De segurar a tua mão e seguir?
Já me acostumei à solidão,
Que me acompanha de verão a verão?
Ou não aprendi a confiar no coração?
Meus olhos descansam no teu corpo,
Meu sorriso se abre em tua presença,
O coração ainda medroso,
Parece querer fugir pros teus braços.
A busca de toda uma vida,
A adrenalina da procura,
A dúvida da eternidade,
Terminam em você.
Se eu der um passo a frente,
Não serei mais eu,
Serei a mulher que te deseja,
Cuja alma relampeja,
Regozija e regenera,
Sem feridas ou cicatriz,
Por ter encontrado em você,
Tudo o que eu sempre quis.

Bela Síol 15/07/2012

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: