Folhas de outono (Bela Síol)

10 set

 

Eu nunca quis dizer adeus,

E por isso ainda guardo,

Um pedaço de mim,

Ocupado por você.

Meus pensamentos,

São folhas de outono,

Levadas pelo vento.

Salgado é o gosto da saudade,

Que ainda espeta o peito.

É da tua voz que sinto falta,

A declamar meu nome,

Feito poesia,

Quando nas manhãs frias,

Desejava possuir-me a alma.

É a ausência do teu cheiro,

Que deixa um enorme vazio,

Quando abraço o travesseiro.

Nunca quis dizer adeus,

Ao sorriso e aos olhos teus,

Porque foste meu verão,

Minha luz e inspiração.

 

 

Bela Síol 10/09/2012

 

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: