Convite dos sentidos (Bela Síol)

19 set

 

 

Venha com pressa e sem medo,

Atender à minha urgência,

E findar meu desespero.

Venha sem pudores,

Com teus mágicos odores,

De perfume e suor,

A me enfeitiçar os sentidos.

Venha cego de desejo,

Me rasgando a roupa,

Me liberando instintos.

Venha com cara safada,

E a barba por fazer,

Com os peitos à mostra,

Me arrancar muitos gemidos.

Venha matar isso,

Cujo nome desconheço,

Mas me consome em volúpia.

Venha e seja meu oásis,

Minha luxúria e minha loucura,

A paz que só encontro no desassossego.

 

Bela Síol 19/09/2012

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: