Ócio ao amanhecer (Bela Síol)

22 abr

Image

 

Do ócio aos teus braços,

Num amanhecer púrpura,

Quente como minhas vontades.

E no desejo de um novo dia,

O despertar de minhas loucuras,

Quando me escorro,

Por entre teus dedos,

Àvidos por me roubar a razão.

Sou teu desjejum,

Fruta e suco em teus lábios,

Sou pele eriçada,

Entregue à paixão,

Na aurora venturosa,

A invadir o quarto,

E beijar nossos corpos,

Que resignados em prazer,

Adormecem, quando outros acordam.

 

Bela Síol 22/04/2013

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: