Despetalando (Bela Síol)

6 jan

despetalando

Hei de espalhar flores e perfumes,
Ser suave e selvagem,
Comum e exótica.
Ainda que me fira em espinhos,
E enfrente ventos fortes,
Hei de manter a beleza,
Deixando um rastro de pétalas.
Oferecerei flores a Yemanjá,
E me farei botão novamente.
Exalarei doce pólen,
Pra me fazer favo e mel da vida.

Bela Síol 02/01/2013

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: